Independência da Bahia. Bandeira do Brasil

O que você sabe sobre a Independência da Bahia? Muita gente – viajantes e até brasileiros – caminha pelas ruas da Bahia, principalmente pelas ruas de Salvador, sem fazer ideia do que foi preciso para levar esta bela cidade ao que ela é hoje. Mas a história do dia da Independência da Bahia é muito importante. Então, para a Dica de hoje, vamos voltar às raízes desta data importante!

O início da independência da Bahia

O dia 2 de julho é feriado no estado, data em que se comemora a Independência da Bahia, uma história marcada por muitas lutas e pela bravura de muita gente. A Bahia é um dos 26 estados do Brasil e é um lugar muito importante para a nossa cultura! Então, vamos ver como começou e como a Bahia se tornou independente dos portugueses!

Independência da Bahia: Praia na Bahia

Pois bem, a independência da Bahia foi declarada em 2 de julho de 1823, porém as batalhas que possibilitaram a conquista começaram bem antes disso. As pessoas estavam bravas com os portugueses, e isso tudo começou logo após a Independência do Brasil.

As raízes da Independência da Bahia

A Independência do Brasil, declarada por Dom Pedro I, em 7 de setembro de 1822, deveria ter sido o marco definitivo da expulsão dos portugueses do Brasil (como eu disse, os brasileiros estavam bravos!), Porém, as tropas ainda leais ao governo português iniciaram uma série de conflitos contra os governos locais. Eles não queriam partir. Bem, eu também não iria querer (lol, mas este é o meu país;) )

Assim, no ano de 1821, a chegada das notícias da Revolução do Porto deu esperança aos habitantes de Salvador, por isso os grupos que desejavam o fim da colonização viram nesta revolução um passo importante para o Brasil alcançar a sua independência. Oh, sim, eles queriam liberdade!

Embora a Independência do Brasil tenha se caracterizado pela separação política pacífica entre Portugal e Brasil, (embora muitos não acreditem nisso) na Bahia tal processo seria caracterizado por lutas intensas e brutais. E, claro, muito sangue!

Devido à sua forte influência econômica (principalmente pela produção de açúcar), muitos comerciantes acreditavam no retorno pleno da presença política portuguesa no Brasil. Desse modo, com a intensificação dos processos de independência, embora os portugueses ainda defendessem a reafirmação dos laços coloniais, a Bahia entra na guerra, vencendo apenas em 2 de julho de 1823, quando expulsou definitivamente os portugueses. Sim, nós conseguimos!

A celebração de 2 de julho

A guerra contra as tropas portuguesas durou mais de 17 meses. Então, a partir de agora, esta data representa o início da Independência definitiva do Brasil, e, desde então, eles estabeleceram a tradição de comemorá-la anualmente!

Assim, todo dia 2 de julho, a procissão remonta à passagem do exército pelas ruas, seguindo o mesmo caminho que teriam feito ao chegar à cidade. Lá, o hino nacional é tocado, acontece o hasteamento da bandeira e até mesmo soltam fogos de artifício! Quando chegam à Igreja de Nossa Senhora Rosário dos Pretos, há uma bela homenagem aos mortos e aos heróis da independência.

É isso aí, pessoal. Saber um pouco de história é sempre bom, né? A primeira capital do Brasil nos fala muito sobre a formação do nosso próprio país!

Talvez você não conheça muito sobre a Bahia, mas que tal estudar perto da praia de Copacabana? Parece perfeito, né?

Ah, e estudar português talvez te ajude a entender nossa história também. Até a nossa próxima Dica! Além disso, não se esqueça de nos curtir no Facebook!

Beijos do Rio de Janeiro!

 

 

read this dica in english        Leer esta Dica en Español
Clique nos links abaixo para ver mais Dicas relacionadas
Feriados no Brasil
A História do Rio de Janeiro
História de São Paulo
Regiões brasileiras e seus estados

 

 

 

 

 

0 139