Paçoca

5 de março de 2021

Paçoca: o Famoso Doce de Amendoim Brasileiro

Seja quando você conheceu um brasileiro na sua cidade, ou seja quando você visitou o Rio no verão passado, você certamente já ouviu falar de paçoca – o mais venerado doce de amendoim brasileiro que há. Ela pode ser encontrada facilmente em qualquer loja ou supermercado brasileiro. E também é, sem dúvida alguma, amado pelas pessoas nos estados do Brasil das regiões Sul e Sudeste. Mas como esse delicioso doce brasileiro surgiu? Quão frequente os brasileiros o comem? E como você consegue fazer a sua própria paçoca? Bora descobrir!

A Origem da Paçoca

É estranho pensar o quão diferente a paçoca original é do doce de amendoim popular de hoje em dia. Inicialmente, ela era feita com farinha de mandioca e carne seca. Eles esmagavam e trituravam esses ingredientes para fazer algo compacto e simples de carregar durante viagens longas. A palavra paçoca, na realidade, chega até a vir do verbo ‘esmagar’ ou ‘esmigalhar’ do Tupi (uma língua falada por alguns indígenas no Brasil) – pa’soka.

Mas por que exatamente se precisava viajar essas distâncias longas? E quem originalmente comia paçoca? Isso não é bem certo. Tem muitas versões da história: mineiros, bandeirantes, e até mesmo pessoas que transportavam ouro. O que parece ser certo é que ela começou a ser consumida na era imperial – provavelmente durante o século XVIII. E você ainda pode encontrá-la em seu formato original com farinha de mandioca e carne seca nos dias de hoje! Mas é mais comum no Nordeste, e é chamada de paçoca nordestina.

Comer é a Melhor Parte!

A maior parte dos brasileiros não precisa de nenhuma desculpa para comer paçoca e pode devorar uma em qualquer momento. No entanto, por volta do mês de Junho, o doce é especialmente popular durante celebrações como as festas juninas e feriados religiosos como a Semana Santa. Uma outra ótima oportunidade para se comer esse doce maravilhoso é durante festivais da paçoca. Parece loucura? Bem, é real! Tais festivais acontecem anualmente em cidades como Bonito de Minas (MG), Pilar do Sul (SP), e Cruzeiro (SP).

Paçoca é tão amada que já se tornou sabor de sorvete e de milkshake. Sem falar de bolos, tortas, picolés, e até mesmo brigadeiro!

Receita de Paçoca

Já aprendemos o bastante por hoje! Todo esse papo de paçoca tá me dando vontade de comer! E como nós aqui na Rio & Learn acreditamos que aprendizagem é sobre experiências práticas,  imersãose divertir – tá na hora de fazermos nossa própria paçoca! E para isso, enlistamos a ajuda da Clara – uma das nossas professoras nativas. Lembra de botar as legendas em português, viu? Olha só:

Ingredientes

– 1/2 xícara de açúcar
– 1 xícara de amendoim sem casca
– pitada de sal

Instruções

– pre-aqueça o forno a 180ºC (~360ºF) por 10 minutos
– lave os amendoins e os deixe secar sobre umas toalhas de papel por 5 minutos
– espalhe os amendoins por uma forma e os bote no forno a 180ºC/360ºF por aproximadamente 15 minutos
– bata todos os ingredientes no liquidificador (e certifique-se que não tem nenhum amendoim inteiro sobrando!)
– bote a mistura (‘farofa’) em formas e deixe descansar por 10 minutos
– se prepare para comer paçoca!

E Tem Mais!

Tenha em mente que essa é apenas uma de diversas receitas de paçoca por aí. Algumas pessoas gostam de adicionar farinha de mandioca para deixá-la um pouco mais seca do que você viu no vídeo. Outras gostam de adicionar leite condensado para fazê-la mais doce que o usual. Todos os estilos são deliciosos! Por que não experimentar vários?

É isso por hoje, pessoal! Fala como sua paçoca ficou!
Nos vemos na próxima Dica! Valeu!

 width=               width=
Clique nos links abaixo para ver mais Dicas relacionadas
Feriados no Brasil
Brigadeiro Brasileiro
Receita de Caipirinha
Como Fazer Feijoada