End of Slavery in Brazil. O Fim da Escravidão no Brasil aconteceu em 1880.

Oi! Prontos para mais uma Dica de história?
Todos os países têm um passado obscuro e não se pode deixar o Brasil fora desse grupo. A escravidão no Brasil não se vê tão distante como vocês podem imaginar.

Escravidão no Brasil

A escravidão no Brasil ocorreu entre os séculos XVI e XIX, por meio do trabalho forçado de cidadão africanos homens, mulheres e até mesmo crianças que eram trazidos ao país através do tráfico de escravos pelo Oceano Atlântico. Por volta de 4.5 milhões de africanos foram escravizados durante os 350 anos de escravidão no Brasil, com o objetivo de trabalhar em plantações de cana de açúcar , café, nas minas ou em tarefas da casa.

A migração foi tão grande que, em algumas regiões do país, o número de escravos superava o número de moradores locais, como por exemplo no estado da Bahia.

Da África para o Brasil

Como prova do horrível futuro que os esperava, os africanos eram transportados pelo mar, em navios superlotados, sem acesso a alimentação adequada. Tinham também sua pele marcada a ferro em brasa, para identificar quem eram seus donos.

O objetivo era a sobrevivência, ainda que muitos não conseguissem aguentar a viagem ou se vissem debilitados a ponto de contraírem sérias doenças.

A chegada acontecia nos portos de Recife, Salvador, Rio de Janeiro, Belém, Fortaleza e São Luís; sendo o do Rio o mais importante, ya que era o caminho mais curto para Minas Gerais , estado onde se descobriu o ouro, precisando assim de escravos para o trabalho de mineração.

Chegada ao Brasil

A chegada foi marcada pela burocracia. Os escravos eram separados por idade e gênero e levados a leilão. A maioria tinha doenças, hematomas, varíola ou depressão, causados pelas condições às quais eram submetidos. Tudo era tratado antes de sua venda. A preferência dos compradores era por homens adultos, devido a sua resistência física.  

O uso de Escravos

End of Slavery in Brazil. A Escravidão no Brasil foi marcada por muita violência!

Quando comprados, as funções dos escravos eram: trabalhar em fazendas, dedicando-se às plantações de cana ou café, ou nas Casas Grandes, onde os maus tratos eram menos frequentes e o trabalho mais fácil, servindo a seu dono e a sua família. Também trabalhavam nas minas, principalmente nas de ouro. Tratados com muita violência, punição e falta de respeito, muitos sofriam constantemente e morriam.

Fim da Escravidão no Brasil

A voz que liderou o processo de abolição foi a de Joaquim Nabuco, um escrito e político brasileiro.

Não existe liberdade ou independência em uma terra com um milhão e meio de escravos.

Sua luta pela abolição teve início em 1873, mas a escravidão no Brasil só teve fim em 13 de maio de 1888, quando Princesa Isabel, filha de Don Pedro II assinou a Lei Áurea. Esta lei pois fim ao sofrimento, ainda que os méritos não se devam somente a ela. Em 1880, a campanha abolicionista ganhou força apoiada por nomes importantes em diferetes classes sociais, como o já mencionado Joaquim Nabuco, filho de uma família dona de uma fazenda e José do Patrocínio, um jornalista filho de um dono de escravos e uma mulher negra, cujo nome infelizmente não foi registrado na história.

É claro que, o fim da escravidão no Brasil não significa o fim do preconceito, e tristemente isso deixou marcas até hoje no Brasil.

Isso é tudo, gente!
Esperamos que você tenham gostado de saber mais sobre a história Brasileira.
Nos vemos na próxima Dica!

           
Clique nos links abaixo para ver mais Dicas
História da Capoeira no Brasil
História da Independência do Brasil
História da Cerveja no Brasil
Candomblé no Brasil

0 119